sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Atividade com vídeoaula sobre Revolução Industrial

PARA  O  2º ANO

ASSISTA AOS VÍDEOS:

1- Revolução Industrial - Resumo ENEM

2- Revolução Industrial


Questões sobre o conteúdo do vídeo 1

1- Faça um relatório do conteúdo exposto contendo introdução, desenvolvimento e conclusão.

Questões sobre o conteúdo do vídeo 2

1- Diferencie força motriz natural de força motriz físico-química.

2- Defina revolução industrial.

3- Qual o peso do êxodo rural no processo de execução da revolução industrial?

4- Afirmar que um país possui industrias não significa dizer que ele passou pela revolução industrial. Explique essa afirmativa.

5- Segundo Hobsbawm, a Inglaterra não foi o primeiro país a ter industrias. Procure saber quem foi esse autor e quais são os seus livros que falam sobre a revolução industrial na Inglaterra.

6- Quais as condições que favoreceram a revolução industrial?

7-  O que foi a revolução gloriosa? Qual o seu significado para o avanço da revolução industrial na Inglaterra?

8-Relacione religião puritana, acúmulo de capital e exploração do ouro no Brasil, com a revolução industrial inglesa.

9-  De que forma a França não conseguiu competir com a Inglaterra na corrida pela revolução industrial?

10- Cite e explique as consequências da revolução industrial.

11- Explique o fenômeno de massas.

12- Diferencie pobreza e miséria.

13- Pesquise sobre Vitor Hugo e seu livro "Os Miseráveis".

14- Para os miseráveis o que significa a cidade? Qual a reação dessas massas humanas diante da vida urbana?

15- Relacione alcoolismo, consumo de café e revolução industrial.

16- Comente o trabalho feminino e infantil como consequência da revolução industrial.

17- Explique a nova divisão social na sociedade industrial.

18- O que é luta de classes?

19- Defina mais-valia. 

20- Por que, para o burguês, o trabalho assalariado é mais interessante do que o trabalho escravo?

21- A economia capitalista atual é contraditória do ponto de vista ambiental. Explique essa afirmativa.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem-vindo ao nosso espaço de comentários! Deixe aqui a sua opinião crítica de forma respeitosa.